Filhos em casa: limite do uso de telas em tempos de corona vírus

avatar de JULIANA ABRAM MERMELSTEIN
JULIANA ABRAM MERMELSTEIN

Começaram as aulas… #SQN! Em tempos de Corona vírus muitas das escolas agora fecharam as portas para minimizar a disseminação da doença que se espalha em progressão geométrica. Com isto, as crianças estão em casa com tempo livre de SOBRA! E então o acesso as telas fica quase que de hora em hora. Mas e aí? Como administrar este tempo de celular e garantir que as crianças se divirtam com outras coisas?

Já existem hoje aplicativos de controle parental como o AppGuardian, que tem um tempo de tela. Mas como funciona? É simples, os pais determinam o tempo de tela que a criança tem disponível no celular por dia. Passado este tempo o celular bloqueia automaticamente. Os pais podem também determinar uma rotina de uso. Deixar o celular bloqueado na parte da manhã e em alguns horários na parte da tarde, por exemplo. Ou deixar ele bloqueado em horários específicos. Aí vai da rotina de cada família.

Com relação aos cuidados do vírus em si, a melhor forma de prevenção é lavar as mãos com água e sabão frequentemente, em especial após tossir, espirrar, ir ao banheiro e mexer com animais. Ter a mão um frasco de álcool gel também é uma boa medida. E lógico, eles estão em casa para evitar o contato físico com outras crianças. Então, vale lembrar que trazer os amigos para brincar não é uma opção viável.

Aproveitem o tempo em família. Já que algumas empresas também decretaram home office aos pais. Afinal, você vai “chegar do trabalho” mais cedo e terá tempo de ficar com eles pra compartilhar momentos em um jogo ou pra cozinhar e fazer aquela janta gostosa em família. (Aliás com o AppGuardian você consegue bloquear todos os celulares conectados no seu ao mesmo tempo para um jantar em família sem a presença das telinhas).

Lembre-se que estas pausas são boas oportunidades para repensarmos as relações e promovermos novas dinâmicas dentro de casa.

Então, coragem! Parece fora de controle, mas depende de como você, mãe, quer enfrentar esta nova realidade que se colocou tão rápido na nossa rotina. Força! Respira fundo.

Tudo vai ficar bem ; )