Livro “O Mágico de Oz”, de L. Frank Baum

avatar de Luciana Pinsky
Luciana Pinsky

Ao nascer encontramos um mundo já dado, em que certo e errado, pode e não pode já estão definidos. Cabe a nós nos adaptar a esse mundo. Será? E será que é isso que queremos das nossas crianças? Os contos de fada nos levam a outros lugares muito diferentes da nossa casa. Em que bicho fala, espantalho pensa, homem de lata chora. E uma menininha enfrenta e vence bruxas poderosas. “O Mágico de Oz” é uma simpática viagem pelo reino do fantástico em que cada aventura mostra que seus protagonistas são bem diferentes do que se esperaria deles. Eu escrevi “são”? Talvez o melhor seja dizer “se mostram” ou “se tornam”. Afinal, toda viagem – seja real, seja imaginária – só tem valor se nos transforma. E “Mágico de Oz” tem esse poder desde 1900, quando foi publicado. A versão integral – que é a que sempre prefiro recomendar – exige um leitor mais velho, a partir de uns 9, 10 anos. Mas os menores, a partir de uns 6, vão adorar ouvir toda noite um capítulo.

O Mágico de Óz
Editora Zahar
Autoria: L. Frank Baum
Ilustrações: W. W. Denslow
Tradução (do inglês): Sergio Flaksman
224 páginas
R$ 32,90
(Informações sobre a edição de bolso. A edição comentada e ilustrada custa 69,90 reais e tem 256 páginas. Ambas contém texto integral, sem adaptações)

Veja todas as dicas de literatura infantil da Luciana Pinsky em Ler com os pequenos.