Não abra esse livro

avatar de Luciana Pinsky
Luciana Pinsky

Este livro é um convite à desobediência infantil. No momento em que há um pedido para que o livro não seja aberto, ele se torna irresistível. Não há televisão, figurinha ou joguinho mais atraente: a criança precisa conhecer, imediatamente, o teor daquelas páginas. E página após página um monstrinho muito engraçado vai tentando convencê-la a abandonar a leitura. Até apela para o discurso da autoridade solicitando que o pequeno leitor chame os pais. Aí que eles – os leitores – acham ainda mais divertido continuar. E não largam o monstrinho de jeito nenhum. Aparentemente, o livro foi feito sem pretensão de ser publicado, como um presente do autor a seu sobrinho. Mas o editor achou interessante, contratou um belo ilustrador e o livro não apenas foi publicado, como traduzido para diversas línguas. A versão brasileira continua atrante, mas vale o editor fazer uma revisão cuidadosa antes da próxima reimpressão. Além do erro no próprio título (deveria ser “este” e não “esse” livro), a penúltima página é quase incompreensível, uma pena. Para crianças a partir dos 3 anos.

Não abra esse livro
Editora Happy books
Autoria: Andy Lee
Ilustrações: Heath McKenzie
Tradução (do inglês): Ana Cristina de Mattos

Veja todas as dicas de literatura infantil da Luciana Pinsky em Ler com os pequenos.