Viagem à Foz do Iguaçú com crianças

Lina Brochmann

Com infra-estrutura de primeira, paisagens de tirar o fôlego, muito contato com a natureza e vôos diretos de diversas cidades, Foz do Iguaçú é o destino perfeito para uma viagem com crianças. Estivemos lá com toda a minha família, 6 adultos e 5 crianças com idades entre 9 e 3 anos de idade.

A principal atração são as Cataratas do Iguaçu, conjunto de cerca de 275 quedas de água no rio Iguaçu, localizada entre o Parque Nacional do Iguaçu (no Brasil) e o Parque Nacional Iguazú em Misiones (na Argentina), que juntos formam uma área total de 250 mil hectares de floresta subtropical e é considerada Patrimônio Natural da Humanidade.

O parque do lado brasileiro é organizadíssimo! O acesso é restrito a veículos credenciados, e para os visitantes possui um sistema de ônibus turístico incluso no ingresso (R$39 adulto, R$11 infantil e idoso) que funciona super bem! São seis paradas ao longo da estrada central do parque das quais três são imperdíveis:

  • Macuco Safari você poderá fazer um passeio de barco até bem pertinho das cataratas, com opção de “seco” para os mais friorentos e/ou medrosos ou “molhado” para os aventureiros. Não há restrição de idade, mesmo crianças pequenas corajosas podem ir no barco “molhado”. Em ambos os casos, a experiência é maravilhosa e com bastante emoção. R$238,10 adulto, R$119,05 idosos e crianças, gratuito para menores de 6 anos.
  • Trilha das Cataratas ao longo de 1.200 metros de extensão, oferece uma visão panorâmica do conjunto de quedas d’água que formam as Cataratas do Iguaçu, com mirantes ao longo do caminho e, ao final da trilha, acesso à famosa Garganta do Diabo, a mais deslumbrante das quedas, com aproximadamente 90 metros de altura. A trilha não possui acessibilidade mas crianças pequenas bem dispostas acompanham bem. A trilha termina na última estação, onde fic ao Restaurante Porto Canoas, com opção de lanchonete ou buffet com uma vista panorâmica maravilhosa.
  • Espaço Porto Canoas é a última estação, uma boa pedida é ir pela trilha e voltar de ônibus.
Mapa do Parque Nacional do Iguaçu
Mapa do Parque Nacional do Iguaçu

O Hotel das Cataratas Belmond merece um capítulo à parte. Construído na década de 50 ao estilo colonial, foi restaurado recentemente e é o único hotel localizado dentro do Parque Nacional do Iguaçu. Isso significa que você tem acesso ao parque antes do horário de abertura, pode fazer as trilhas e contemplar as cataratas com tranquilidade. Boas opções gastronômicas, piscina, quadra de tenis, academia, espaço kids, sala de jogos e um atendimento impecável fazem jus à fama. Tiveram a delicadeza de equipar nosso quarto com berço, banheirinha, produtos de bebê da Granado, havaianas e roupão para todos no tamanho certo (até para a pequena de 3 anos!), além de bolinho de aniversário e um ursinho de pelúcia de presente de aniversário para o meu sobrinho. Um encanto!

Hotel das Cataratas
Hotel das Cataratas

O Parque das Aves fica bem próximo ao Parque Nacional do Iguaçú e é uma atração imperdível! Única instituição do mundo focada na conservação das maravilhosas aves da Mata Atlântica, oferece três opções programa: passeio de aproximadamente duas horas pelos viveiros, backstage para conhecer os bastidores do parque e um Ritual Guarani de boas-vindas em um jantar na floresta. Fizemos o passeio pelos viveiros e amamos! Contato muito próximo com uma variedade enorme de animais, além de estrutura impecável com acessibilidade, boas lanchonetes e banheiros limpíssimos. Bem em frente fica o Helisul, empresa que oferece vôos panorâmicos de helicóptero nas Cataratas do Iguaçu. Não fizemos o sobrevôo mas deve ser incrível.

O lado argentino das cataratas é maravilhoso - você caminha por plataformas por cima das cataratas e tem uma vista de outro ângulo das quedas. O parque não é tão bem preparado quanto o brasileiro, mas funciona bem. Um trenzinho leva aos pontos de saída das trilhas, que ao todo somam 7km de caminhada. Fizemos somente a mais leve em função da idade das crianças - a vantagem é que o caminho possui acessibilidade, você pode levar seu carrinho de bebê ou alugar um lá mesmo! Além do visual deslumbrante das águas, as crianças se encantaram com a quantidade de borboletas e quatis que encontramos pelo caminho!

Itaipu Binacional, a maior usina hidrelétrica do mundo, fica na fronteira com o Paraguai e oferece uma visita guiada. Fizemos o roteiro Itaipu Panorâmica, de aproximadamente duas horas de duração e ficamos deslumbrados com a grandiosidade e importância da usina, construída na década de 70 em sociedade com o governo do país vizinho. As crianças pequenas não entenderam bem mas os maiores de 7 anos já absorveram o passeio, que é feito em um ônibus de turismo com paradas livres. O restaurante Kattamaram fica na última parada do passeio e oferece uma vista linda do lago e é uma boa pedida para um almoço tranquilo ou para curtir o final de tarde.

Dicas práticas

  • Na mala não pode faltar protetor solar, repelente, capa de chuva e calçados confortáveis
  • Se locomover de ônibus é muito fácil e a opção mais em conta. Alugar carro é uma boa opção e taxis estão sempre disponíveis.
  • O verão é época de chuvas e as Cataratas costumam estar mais cheias, mais bonitas. Além disso com altas temperaturas é mais gostoso participar das atrações “molhadas”. Fomos em julho, o tempo estava agradável (em torno de 20 graus durante o dia) e foi ótimo!

E por fim, esqueça as compras e aproveite a viagem para se conectar com as crianças e a natureza! Tem coisa melhor?