Evento “Ser Criança no Mundo Digital – série de conversas online”

Claudia Olivieri

Em tempos de pandemia a tecnologia nos permite a socialização com família e amigos, aprendizado, diversão…

Mas quais os riscos que o uso indiscriminado do ambiente digital pode oferecer para o desenvolvimento de crianças e adolescentes?

Nos dias 26 de junho; 03, 17 e 24 de julho e 07 e 14 de agosto, o Instituto Alana, com o apoio do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br) e do portal Lunetas, realiza o evento “Ser Criança no Mundo Digital – série de conversas online”, com seis diálogos voltados para famílias e educadores, pontuando o papel das escolas, do Estado, das empresas e plataformas de tecnologia neste processo.

Os debates, que vão dialogar e responder perguntas do público, contarão com a participação de especialistas das áreas da educação, psicologia, tecnologia e direito. A transmissão acontecerá pelo link sercrianca.alana.org.br (com intérprete de Libras e legenda em tempo real). Inscrição pelo site. Confira a programação:

26 de junho, às 17h – “Crianças no mundo digital: oportunidades e desafios”: um panorama geral do tema e os impactos da relação da criança com as tecnologias digitais em seu desenvolvimento integral.

03 de julho, às 17h – “O papel das famílias na relação da criança com o mundo digital”: os caminhos que as famílias podem seguir para construir uma relação saudável, criativa e segura das crianças com a internet.

17 de julho, às 17h – “A participação das crianças no mundo digital”: os modos de ser, conviver e participar deste ambiente e a importância de estimular a cidadania digital.

24 de julho, às 17h – “Tecnologia como oportunidade de educação para todos”: a tecnologia na eliminação de barreiras sociais e os diversos caminhos de aprendizagem.

07 de agosto, às 17h – “Como garantir os direitos das crianças no mundo digital?”: a responsabilidade do desenvolvimento produtos e serviços que assegurem uma experiência digital ética, segura e criativa para toda criança.

14 de agosto, às 17h – “Exploração comercial da criança no mundo digital”: as garantias de proteção dos dados das crianças frente à exploração de todo tipo, inclusive comercial.