Almoço no Santinho e programação cultural

Vanessa Skilnik

As unidades do Santinho ficam em instituições culturais. A primeira unidade foi no Instituto Tomie Ohtake em Pinheiros, local com uma grade de exposições bem bacanas para levar os pequenos antes ou depois da refeição. A segunda foi aberta no Museu da Casa Brasileira (MCB), voltada para um reduto verde em plena Avenida Faria Lima - que recentemente virou Capim Santo, do mesmo grupo (leia aqui). E a mais recente no Theatro Municipal, um dos ícones de São Paulo, um lugar muito bacana para ser apresentado às crianças.

Eu costumo as crianças na unidade do MCB que tem um ambiente aberto agradável e elas podem brincar pelo jardim.

Sistema de bufê em todas as unidades, as saladas de grãos, pratos brasileiros, crispeis de legumes e quiches são ótimas. Outra opção fixa do Santinho são as tapiocas, que eu chamo de “tapiocas mágicas” pois elas são coloridas naturalmente e encantam as minhas filhas. E sempre tem aquele feijão e arroz perfeitos, massas e grelhados para os paladares mais restritos. Ótimos sucos naturais e os imperdíveis brigadeirinhos que acompanham o café.

Mais informações sobre restaurantes para ir com famílias.