Mitos e verdades sobre xixi na cama

Vanessa Skilnik

Lidar com as manhãs após noites de cama molhada pode gerar estresse e desconforto para as crianças e famílias.

O processo de desfralde acontece nos primeiros anos de vida, mas o alcance da maturidade do sistema urinário varia individualmente. Porém, a partir dos cinco anos de idade, o ato de fazer xixi na cama pode ser um distúrbio, que requer acompanhamento médico e tratamento.

A fim de desmistificar o tema, o médico especialista em urologia pediátrica Dr. Atila Rondon elencou 5 situações que geram dúvida e que podem atrapalhar o diagnóstico e tratamento da enurese.

Mito: Só o meu filho faz xixi na cama.
O escape noturno atinge 15% das crianças acima dos cinco anos. Segundo a Sociedade Brasileira de Urologia, a enurese noturna pode existir até os 12 anos. Se a partir do quinto ano de vida os episódios forem frequentes, é recomendado procurar um especialista em urologia infantil.

Verdade: Fiz xixi na cama até tarde, meu filho herdou isso de mim.
Se um dos pais fez xixi na cama após os cinco anos, a chance de ter um filho com o mesmo transtorno é de 44%. Caso o pai e a mãe tenham sido enuréticos, as chances aumentam para 77%.

Mito: Se eu acordar meu filho durante a noite, pode resolver.
As micções noturnas podem acontecer durante todas as fases do sono, caso a bexiga não seja completamente esvaziada antes de dormir. Acordar a criança durante a noite para que ela vá ao banheiro não vai resolver o problema e prejudicará a qualidade do sono de todos.

Mito: Não preciso levar no médico, vai passar!
Inúmeras causas podem resultar no ato de fazer xixi na cama durante o sono, incluindo questões emocionais, fatores genéticos ou problemas fisiológicos. Só um especialista deve ser poderá diagnosticar corretamente.

Verdade: Devo diminuir o consumo de líquidos à noite.
O consumo de líquidos deve ser feito todos os dias para a saúde dos pequenos, mas, 2 horas antes de dormir, o consumo de água e alimentos ricos em líquidos deve ser reduzido para a bexiga não fica tão cheia e ser mais fácil controlar a necessidade de urinar até o dia seguinte.

O site www.semxixinacama.com.br, reúne informações sobre a enurese e tem o objetivo de orientar as famílias sobre como lidar com o xixi na cama sem traumas,