Nós acreditamos no Livre Brincar

Lina Brochmann

​Que as crianças precisam brincar, usar a criatividade, explorar e ter contato com a natureza não é novidade. O brincar livre é instintivo e fundamental para o aprendizado e desenvolvimento das crianças, é determinante para a formação de adultos seguros, sociáveis, criativos, atentos, habilidosos. A “brincadeira de criança” é coisa séria e a valorização da primeira infância está na pauta dos educadores de vanguarda.

Mas a realidade não colabora. Os parquinhos estão em extinção, a rua é insegura, os pais trabalham muito e a maioria das famílias urbanas mora em prédios - adeus brincadeira no quintal. As escolas? Estão cada vez mais preocupadas com o conteúdo e o recreio se limita a 15 minutos, como se brincar fosse perda de tempo.

A Aliança pela Infância é uma dentre diversas iniciativas que buscam conscientizar e capacitar pais, mães, educadores e governo quanto a importância do brincar. Organiza anualmente a Semana Mundial do Brincar, que em 2016 acontece de 22 a 28 de maio em todo o país. Nós, do bora.ai, acreditamos na importância do livre brincar e apoiamos a Aliança pela Infância em suas iniciativas.

Nas próximas semanas disponibilizaremos aqui no site pesquisas, experiências e dicas sobre o brincar. Faremos também uma grande galeria colaborativa de fotos de crianças brincando - para participar basta marcar seus posts do instagram com a hashtag #LivreBrincarBoraAi.

E para consultar dicas de atividades em São Paulo, acesse http://bora.ai/oque/livre-brincar

Livre Brincar no Museu da Casa Brasileira
Brincadeira no Museu da Casa Brasileira. Crédito: instagram @euvalvall