Novidades no Parque Ibirapuera

Vanessa Skilnik

O Parque Ibirapuera está repleta de novidades promovidas pela nova gestora do parque, a Urbia, que proporcionam uma melhor experiência para as famílias com crianças que frequentam o parque em São Paulo. Confira:

  • Áreas verdes: 12 mil m² de área verde foram recuperadas com o plantio de grama e novos jardins, boa parte em torno do lago, que apresentava suas margens com solo exposto e comprometido pelo pisoteamento. A ação deixa o Parque mais bonito e apoia os serviços ecossistêmicos desempenhados pelo Ibirapuera.
  • Alimentação: inauguração da Madureira Sucos, quiosques da OakBerry Açaí e da Nutty Bavarian. A lanchonete Sabor Ibira, que já operava por lá, passou por um retrofit do cardápio, atendimento e infraestrutura.
  • Reforma e aumento de Banheiros: os banheiros foram pintados, ganharam mais iluminação, vasos sanitários consertados e desentupidos e nova disposição de pias, mictórios e dispenseres de sabonete e álcool gel. Foram colocados três banheiros containers femininos ao lado dos atuais para funcionarem aos finais de semana, a fim de atender a maior demanda nesses dias.
  • Áreas comuns e acessibilidade: melhorias nos pisos dos calçamentos na área externa do Museu Afro Brasil, do Planetário e dos portões 7 e 8. Todas as guaritas do Parque foram reformadas e os vendedores autônomos alimentos e bebidas passaram a desocupar o asfalto das vias principais, aumentando o espaço para quem quer se exercitar na pista.
  • Segurança: inauguração do Centro de Controle Operacional (CCO), onde são monitorados todos os espaços do Parque, por meio de 50 novas câmeras que operam com energia solar que se comunicam em tempo real, com os vigilantes e socorristas, melhorando ainda mais o tempo de resposta aos eventos que necessitam de intervenções na segurança, na emergência médica ou no atendimento à fauna e à flora do Parque. Também são realizadas intensas rondas de bicicletas, o que permite acesso rápido a qualquer área do Parque e aos cinco postos de bombeiros civis espalhados em locais estratégicos, aptos a atender emergências e treinados no combate a incêndios.
  • Atendimento medico: instalação de um módulo de ambulatório que opera todos os dias da semana para atender ocorrências médicas com visitantes e trabalhadores do Parque, com serviço de resgate ambulatorial caso necessário, e, aos finais de semana, uma ambulância UTI fica de plantão.
  • Sinalização: placas móveis foram refeitas e posicionadas para reforçar as regras de uso de espaços comuns e prevenir acidentes. A ciclovia foi repintada e, nos pontos de maior afluxo e perigo, a segurança e os avisos foram reforçados.
  • Lixo: fechamento das áreas de lixo que ficavam ao lado das lanchonetes, evitando, assim, a presença de abelhas e moscas.
  • Sistema hidráulico: as bocas-de-lobo foram limpas e foram restabelecidas as ações de drenagem para melhorar o escoamento nos períodos de chuva.
  • Círculos sustentáveis: 40 círculos sustentáveis foram desenhados no gramado da Praça da Paz com medida adicional para incentivar o distanciamento entre os frequentadores do Parque. Os círculos, com cerca de 4 metros de diâmetros, foram desenhados utilizando resíduo de manejo da flora do próprio local, o que os tornam totalmente sustentáveis.

ano São Paulo. A realização de piqueniques e a prática de esportes coletivos, no entanto, não são permitidos.

Nossas dicas no parque

Esportes e passeios com crianças

Opções para lanches

Visita ao planetário

Locais de acesso

Durante a pandemia: vale relembrar a obrigatoriedade de uso de máscara no local. Totens de álcool em gel também estão disponíveis para o público. O Parque Ibirapuera fica aberto todos os dias das 6h às 18h, respeitando os protocolos de segurança do Pl