Restaurante Ráscal, uma opção que agrada a toda a família

Vanessa Skilnik

O restaurante Ráscal é campeão quando perguntamos para os nossos leitores sobre o local preferido para comer com a família. Aqui em casa não é diferente, porque equilibra diversos aspectos importantes quando pensamos em restaurantes para ir com as crianças.

Em primeiro lugar a rede tem localizações tops em São Paulo: acessíveis, com estacionamento e perto de lugares para emendar com outros programas. Um cinema com pizza para fechar um final de semana numa das diversas unidades de shopping ou um almoço após uma caminhada pela Avenida Paulista na unidade da Alameda Santos. A política de cobrança diferenciada para crianças para o bufê também é justa - até 5 anos elas não pagam, quando acompanhadas de um adulto pagante e entre 6 a 11 anos pagam metade (o que acaba sendo mais caro para as crianças menores que consomem pouco). O bufê custa R$ 79 por pessoa (de segunda a sexta) e R$ 89 (aos sábados, domingos e feriados) – exceto em Guarulhos, onde o valor é único de R$ 89. Considerando que a média de preços dos bons restaurantes de São Paulo é alta, acho que a conta final do Ráscal é justa para uma boa refeição em família.

Todas as mesas da unidade são cobertas com toalha de papel e tem giz de cera para distrair as crianças. As bebidas já vem a mesa em copos descartáveis, cobertos e com canudo para facilitar a vida dos pais!

Mas é no quesito comida que o Ráscal é imbatível. Tanto as pizzas a la carte quanto o buffet de saladas e antepastos e massas são sensacionais. Qualidade de ingredientes, apresentação, variedade, frescor. O combinado com nossas filhas é começar pela salada e elas vão direto nos ovos de codorna, tomates cereja, pepinos, palmitos, azeitonas, folhas de alface crocantes e outras opções frias que agradam as crianças. Depois desta primeira fase as massas e polpetones estão liberados. A ilha de massas tem opções feitas na hora e com variedades fixas no cardápio, como o ravioli verde de búfala, polpetones, molho branco e vermelho, a bolonhesa e outras massas do dia que podem ser mil folhas de beringela, polenta, veraneies, massa com cordeiro, pato e serra da canastra entre outros. Tem sempre uma opção sem gluten. O molho de tomate é feito na casa com aqueles pedações de tomate.. muito melhor do que servir as crianças os molhos processados.

Me impressiona encontrar novidades a cada visita, eles estão sempre inovando.

Se ainda sobrar espaço para a sobremesa, a torta de maçã quente com sorvete é minha preferida!

Atendimento sempre simpático e eficiente.