divulgação

Adalbertolândia

Adalbertolândia

Em 1.969 o asfalto ainda não tinha chegado para muitas das ruas do bairro paulistano do Sumaré. No verão as ruas de terra levantavam uma poeira fininha e, nos tempos de chuva, as mesmas ruas viravam um lamaçal só.

E foi vendo este cenário, numa vizinhança onde moravam mais de 30 crianças - entre elas seus dois filhos, que o publicitário Adalberto Costa de Campos Bueno teve a ideia de construir um parquinho para que os pequenos tivessem um lugar onde pudessem se reunir e brincar.

Batizado de “Adalbertolândia”, o espaço de 300 metros quadrados abriga árvores frutíferas, mais de 60 espécies de plantas, brinquedos artesanais - como a casa da árvore, gangorra, balanço, um lindo carrossel de madeira e as misteriosas trilhas “escondidas” onde meninos e meninas podem se divertir por horas e horas.

Junte seus filhos, alguns amiguinhos, prepare um lanche bem gostoso e reserve um tempinho para voltar ao passado e às brincadeiras que fizeram parte da sua infância.

A importância do Livre Brincar

Prestes a completar 90 anos em agosto de 2.016, o senhor Adalberto diz que cabe aos pais incentivarem suas crianças a agirem como crianças.

- É importante que eles saibam como eram as brincadeiras de antigamente e se interessem por elas, praticando atividades onde possam correr, chutar bola e estar em contato com a natureza. Desta forma vão, além de desenvolver a criatividade, movimentar-se física e mentalmente.

As meninas do programa Papo de Mãe foram lá conferir a Adalbertolândia, assisa abaixo:

Programação fornecida pela produção/estabelecimento e sujeita à alteração. Confirme antes de sair de casa.

Horários
Sáb e Dom
das 08h00 às 18h00
Abre também aos feriados.
Adalbertolândia
Rua Paulino Longo com Rua Plínio de Moraes, Sumaré
São Paulo, SP
Brasil
abrir no GoogleMaps
Valores
gratuito
Idade recomendada
livre