Filme mostra cinema infantil Celaticomus Divulgação

Festival infantojuvenil de cinema

já aconteceu

O Festival de Cinema infantojuvenil Cine Caramelo é tradicional na região de Porto Alegre, onde sempre aconteceu presencialmente com uma programação incrível para todas as idades.

A pandemia impede a realização no festival no formato tradicional em 2021, mas felizmente trouxe a primeira edição online para ser curtido por crianças, adolescentes e adultos, gratuitamente, de qualquer local com acesso a internet.

A seleção de filmes inclui animação, ficção e documentário, com uma curadoria muito bem pensada que garante conteúdos inéditos que proporcionem diversão, reflexão e emocionem com temáticas atuais e bem variadas. Para complementar, tem mais um monte de oficinas bacanas. Recomendamos muito.

A programação do evento é dividida em três mostras, conforme faixa etária recomendada dos filmes selecionados: Mostra Primeira Infância, Mostra Infantojuvenil e Mostra Jovens e Adultos.

Na Mostra Primeira Infância, será exibida a série gaúcha “Jogos de Inventar” (2018), composta por 13 episódios de 7 minutos, com diálogos perceptivos, afetivos e imaginários de bebês e crianças por meio da fascinante lógica lúdica do pensamento infantil.

Na Mostra Infantojuvenil, o público poderá assistir a 20 filmes infantis e infantojuvenis de animação, ficção e documentário recentemente produzidos e que trazem uma diversidade de temas, estéticas e narrativas. São produções de oito estados brasileiros. Para ampliar a experiência, os filmes contarão com um material educativo com propostas lúdicas para serem vivenciadas na sala de aula e em casa.

Já na Mostra Jovens e Adultos, serão exibidos seis filmes que trazem narrativas ligadas à infância e adolescência para o público maior de 14 anos.

Além da seleção de filmes, o Cine Caramelo também é feito de workshops e oficinas com importantes nomes do desenho e do audiovisual: os cartunistas gaúchos Santiago e Moacir Knorr Gutterres (o Moa), e o animador Lancast Mota e a roteirista e diretora Tatiana Nequete.

No encerramento, dia 29 de agosto, às 16h, destaque para uma apresentação lúdico-musical com Dulcimarta Lino e Grupo Piá, onde cada participante será convidado a viver os processos de escuta e criação para compartilhar modos de estar no mundo musicalmente e conviver com diferentes tempos e lugares.

Anote aí:

  • Todos os 27 filmes e séries ficam disponíveis no site e YouTube do evento durante o período do festival, ou seja, o espectador pode montar sua própria programação on demand para acompanhar o Cine Caramelo. Serão 457 minutos de cinema totalmente gratuito!
  • Todas as atividades também são gratuitas e acontecem online com vagas limitadas, selecione as de interesse e corre para fazer as inscrições pelo site.
  • A fim de garantir inclusão e democratização de acesso, dez filmes contarão com recursos de acessibilidade completa (Libras, audiodescrição e legendas descritivas). Os workshops e oficinas também contarão com tradução simultânea para LIBRAS.
  • Informações para participar das oficinas e dos workshops através do e-mail: festivalcinecaramelo@gmail.com

Confira a programação completa e marque na agenda!

MOSTRA PRIMEIRA INFÂNCIA

Jogos de Inventar (Dir. Pedro de Lima Marques e Lisandro Santos, animação, RS/2018)
Um espaço em branco se enche de cores, sons e movimentos, conforme a imaginação de Juju, Miro, Quique, Shay, Migui e Dodó criam jogos de inventar ao desvendar um livro muito divertido. Com criação de Viviane Juguero e produção da Bactéria Filmes, a série de 13 episódios constrói diálogos perceptivos, afetivos e imaginários.

MOSTRA INFANTOJUVENIL

A menina e o velho (Dir. Luciano Fusinato, animação, 11 min, SC/2021)
Uma menina e um velho iniciam uma amizade através dos fios de um varal. Do seu encontro brotam singeleza e poesia. A incrível aventura das sonhadoras crianças contra Lixeira Furada e Capitão Sujeira (Dir. Beatriz Ohana, ficção, 15 min, SP/2019) Uma aventura repleta de imaginação e fantasia, que apresenta o olhar de crianças sobre o lugar em que vivem. * Acessibilidade disponível: libras

Antes que vire pó (Dir. Danilo Custódio, ficção, 12 min, PR/2020)
Luan é um garoto sensível que acolhe um passarinho e, a partir da relação que estabelece com ele, começa a refletir sobre a fragilidade da vida.
* Acessibilidade disponível: libras, audiodescrição e legenda descritiva

Aurora - A rua que queria ser um rio (Dir. Radhi Meron, animação, 10 min, SP/2021)
A partir das divagações da rua em um dia de chuva, somos levados a conhecer a personagem visitando também um pouco da história do cotidiano da cidade.
* Acessibilidade disponível: libras, audiodescrição e legenda descritiva

A vida é coisa que segue (Dir. Bruna Schelb Corrêa, ficção, 16 min, MG/2019)
O luto é uma presença na rotina: os mortos se vão e a vida insiste em seguir em frente. * Acessibilidade disponível: libras, audiodescrição e legenda descritiva

Colmeia (Dir. Karinna De Simone, ficção, 18 min, SP/2018)
Às vésperas do maior Campeonato de robótica do ano, Sophia e seus amigos passam a noite escondidos na escola para tentar terminar o robô a tempo da competição.

Diário de Pilar (Dir. Bruno Bask e Humberto Avelar, animação, 11 min, SP/2020)
Junto com seu gato Samba e seu melhor amigo Breno, Pilar embarca na rede mágica que herdou do avô Pedro e se aventura pelo mundo.

Foguete (Dir. Pedro Henrique Chaves, ficção, 15 min, DF/2020)
No coração da cidade, um brinquedo atrai milhares de pessoas e une diferentes gerações.

Fome (Dir. Felipe Fré, ficção, 17 min, SP/2019)
Quando uma dupla de saltimbancos chega a um vilarejo, um evento inesperado faz com que mãe e filha compreendam que não somente o corpo necessita de alimento.

Hornzz (Dir. Lena Franzz, animação, 5 min, RJ/2019)
Como cada escolha reflete em nossas vidas? Através da narrativa surrealista de Hornzz, acompanhamos as escolhas e desafios da menina Lu, viajando por experiências únicas em cenários lúdicos.

Livre-se (Dir. Matheus Lopes e Vinícius de Lima, animação, 3 min, SP/2020)
Raj, um menino indiano apaixonado por arte e livros, enfrenta um conflito interno, desafiado com uma mudança em seus hábitos de leitura.

Me liga na lata – Maranhão (Dir. David Reeks e Renata Meirelles, documentário, 26 min, SP/2019)
Com um telefone de lata, crianças de nove Estados brasileiros conversam entre si e criam uma cumplicidade de temas ao mesmo tempo que revelam aspectos singulares de cada região.
* Acessibilidade disponível: libras, audiodescrição e legenda descritiva

Muda (Dir. Isabella Pannain, ficção, 7 min, MG/2021)
Ana carrega sua mochila para todo lugar com seus brinquedos e pertences para nunca perdê-los. Porém, ao ter que lidar com a mudança para sua casa nova, ela precisa aprender a desapegar de muitas coisas queridas e enfrentar o medo do desconhecido.
* Acessibilidade disponível: libras, audiodescrição e legenda descritiva

O Celaticomus (Dir. Marcelo Tannure, animação, 17 min, MG/2020)
Jeremias vive tranquilamente em seu pântano se divertindo ao assistir filmes e colecionando livros. Certo dia um desses livros desaparece e Jeremias acredita que o responsável é um terrível monstro que veio de Júpiter.
* Acessibilidade disponível: libras, audiodescrição e legenda descritiva

O menino das estrelas (Dir. Irmãos Christofoli, ficção, 23 min, RS/2019)
Benji é um garoto que sofre bullying na escola onde estuda. Após um misterioso cometa cair em sua cidade, o menino adquire poderes especiais e tem que decidir se irá ou não revidar aos ataques que sofre.

O menino e o ovo (Dir. Juliana Capilé, ficção, 12 min, MT/2020)
Joana escuta na escola que é possível fritar um ovo no asfalto. Nessa busca dilemas surgem e desafiam Joana a tomar uma decisão.

O papagaio e a pipa (Dir. Tiago Mal, animação, 7 min, SP/2019)
Um menino constrói seu próprio papagaio e, com esforço, faz seu novo amigo voar alto no céu. O Papagaio conhece uma charmosa Pipa, mas logo a perde de vista. Destemido, parte em busca dela pelas ruas da cidade.
* Acessibilidade disponível: audiodescrição

O show da Luna! (Dir. Celia Catunda e Kiko Mistrorigo, animação, 22 min, SP/2020)
Na “supertecnológica” Estação Espacial Antares, Luna, Jupiter, Claudio e sua nova amiga, Kyiah, buscam respostas para muitas novas perguntas.

Raone (Dir. Camila Santana, documentário, 2 min, SP/2021)
Raone tem quatro anos e gosta de fantasiar, correr, brincar de boneca e fazer bolhas de sabão. Enquanto cria suas histórias e descobre o mundo vai traçando uma infância alegre e livre de estereótipos.

Se a vida te der um anzol (Dir. Uli Dile, ficção, 6 min, RJ/2020)
Uma menina determinada, um anzol e várias minhocas são a combinação perfeita para fisgar um peixe… ou não.
* Acessibilidade disponível: libras, audiodescrição e legenda descritiva

MOSTRA JOVENS E ADULTOS

Bússola (Dir. Thiago Ballvé, ficção, 15 min, RS/2020)
Alex mora com a mãe numa cidade do interior. Em meio à dor da perda, sua mãe tenta resgatar na memória as boas lembranças que restaram do marido e enfrentar o medo de que o filho venha a ter o mesmo destino que o pai.

Estranhos de vermelho (Dir. Alexandre Fernandes Roman Bispo, ficção, 23 min, RJ/2018)
Nina e Guilherme são dois jovens que se encontram por acaso em um elegante jantar de Natal. Deslocados, eles decidem abandonar o recinto e ir para uma festa bem mais descontraída, ficando cada vez mais próximos no processo.
* Acessibilidade disponível: libras, audiodescrição e legenda descritiva

Jovem que desceu do Norte (Dir. Ana Teixeira, documentário, 16 min, SP/2021)
O Sertão é reconstruído a partir das memórias de cinco migrantes que vieram para o interior de São Paulo há alguns anos. Através do poder da oralidade, eles nos transportam para esse espaço e contam o universal e o singular da juventude.

Mãtãnãg, a Encantada (Dir. Shawara Maxakali e Charles Bicalho, animação, 14 min, MG/2020)
A índia Mãtãnãg segue o espírito de seu marido até a aldeia dos mortos. Juntos eles superam os obstáculos que separam o mundo terreno do mundo espiritual. Mas Mãtãnãg não está morta e sua alma deve retornar ao convívio dos vivos.
* Acessibilidade disponível: audiodescrição

The other (Dir. Saman Hosseinpuor e Ako Zandkarimi, ficção, 24 min, Irã/Índia/2021)
Após a morte de sua esposa, um homem curdo religioso e tradicional passa a cuidar sozinho da filha e suspeita que sua mulher teve um relacionamento com outro homem.

Vestido de azul (Dir. Diany de Jesus, ficção, 19 min, SP/2018)
Após a morte de seu único filho, Nelson, de 63 anos, acaba tendo que cuidar de sua neta Maitê. Nelson não via a menina há mais de 6 anos e inicia essa relação com muita dificuldade, não apenas pela falta de proximidade, como também pela sua profissão e bissexualidade.
* Acessibilidade disponível: libras, audiodescrição e legenda descritiva

APRESENTAÇÃO LÚDICO-MUSICAL

Adultos e crianças partilharão a ação lúdica de brincar com sons. Cada participante é convidado a viver os processos de escuta e criação para compartilhar modos de estar no mundo musicalmente e conviver com diferentes tempos e lugares. Corpos no som para sentir o tempo, marcar presença e saborear o som do sentido inventado pelas crianças. Com Dulcimarta Lino e Grupo Piá.
Data: 29/08 Horário: 16h Transmissão pelo canal do Youtube do Cine Caramelo
A apresentação contará com tradução simultânea para Libras.

OFICINAS INFANTOJUVENIS

Oficina de Charge, com o cartunista Moacir Knorr Guterrez (Moa)
Nesta oficina, os alunos serão convidados a responder a pergunta “Qual notícia você gostaria de ler daqui a um ano sobre a pandemia da Covid-19?”. A partir das conversas com o cartunista e com o grupo, cada aluno produzirá uma charge. Faixa etária 10 a 14 anos Data: 21/08 Horário: 15h às 17h Pré-requisito: ter conhecimento básico em desenho.A oficina contará com tradução simultânea para Libras.

Oficina “Desenha pra mim?” com o cartunista Santiago
Nesta oficina, os participantes vão interagir através da brincadeira “Desenha pra mim?”, desafiando o cartunista a desenhar ideias e situações propostas por eles. Depois, é a vez do cartunista desafiar os alunos. Faixa etária 7 a 9 anos Data: 28/08 Horário: 15h às 16h30 A oficina contará com tradução simultânea para Libras As oficinas terão mediação da artista e educadora Ane Meyer - Mestre em Teoria da Literatura (Infantojuvenil), pesquisadora e oficineira nas áreas de mediação de leitura e formação de leitores.

WORKSHOP PARA ADULTOS

Workshop “Criação e produção de histórias em quadrinho”, com Lancast Mota
Este workshop é voltado para estudantes e profissionais do audiovisual e áreas afins como artes, literatura, educação, comunicação e novas mídias. Serão três encontros com duração de 2h, totalizando 6h. Será fornecido certificado para participação integral. 27/08 (sexta), das 19h às 21h 28/08 (sábado), das 10h às 12h 29/08 (domingo), das 10h às 12h
O workshop contará com tradução simultânea para Libras.


Workshop “Roteiro e direção de conteúdos audiovisuais infantojuvenis”, com Tatiana Nequete
Este workshop é voltado para estudantes e profissionais do audiovisual e áreas afins como artes, literatura, educação, comunicação e novas mídias. Serão três encontros com duração de 2h, totalizando 6h. Será fornecido certificado para participação integral. 20/08 (sexta), das 19h às 21h 21/08 (sábado), das 10h às 12h 22/08 (domingo), das 10h às 12h

Sobre o Festival Caramelo:
Realizado ininterruptamente desde 2013 em Porto Alegre e região metropolitana com itinerâncias pelo interior do Rio Grande do Sul e Mato Grosso, este ano o festival acontece exclusivamente em formato online de 19 a 29 de agosto.
A 7ª edição do Cine Caramelo está sendo produzida pela Véspera Visual Media, através do Edital Criação e Formação – Diversidade das Culturas, realizado pela Fundação Marcopolo e Secretaria de Estado da Cultura do RS com recursos da Lei nº 14.017/2020, a Lei Aldir Blanc.


Programação fornecida pela produção/estabelecimento e sujeita à alteração. Confirme antes de sair de casa.

Horários
de 19/08/2021 a 29/08/2021
Programação gratuita e online.
website do passeio
Idade recomendada