Museu Café Santos Divulgação

Museu do Café em Santos

Museu do Café

O Museu do Café é uma jóia no centro histórico de Santos, pertinho de São Paulo. Quanto visitar a cidade com crianças, não deixe de incluir o local no seu roteiro, garanto que será uma aula prática incrível (sugiro a partir dos 8 anos).

O Museu do Café conta a trajetória do grão no Brasil e no mundo com detalhes que vão desde o plantio até a xícara, passando pelo mercado e curiosidades do grão – que foi o principal produto brasileiro de exportação no final do século 19. O prédio foi inaugurado em 1922 e por mais de duas décadas abrigou a Bolsa Oficial de Café, um dos principais centros de negociações de café do mundo. Na década de 1950, os pregões foram transferidos para São Paulo e em 1988 reabriu após ampla restauração como o Museu do Café, importante ponto turístico de Santos.

Com 6 mil m² e mais de 200 portas e janelas, o local abriga exposições permanentes e temporárias, obras de arte, mobiliário de época, loja temática e cafeteria que serve os melhores grãos café – e até o mais caro e raro do país.

O que ver no local:

Vitral interno:

  • Um dos primeiros vitrais com temática brasileira, ‘A epopeia dos bandeirantes’ com a assinatura de Benedicto Calixto representar a riqueza de três períodos da história do café.

Sala do Pregão:

  • Espaço das negociações que fixavam as cotações diárias das sacas de café, preserva 154 itens, dentre eles 81 cadeiras e mesas em imbuia sobre um estrado de jacarandá. No piso de desenhos geométricos, com mármores da Grécia, Espanha e Italia, destaca-se a estrela de Davi, elemento de referência maçônica. A disposição do mobiliário, em estilo art noveau, representa a hierarquia da antiga bolsa: 11 cadeiras principais destinadas ao presidente, ao centro, e aos secretários, ao lado, e as outras 70 ao redor, aos corretores. Produtores e exportadores assistiam às sessões no mezanino.

Tríptico de Benedicto Calixto:

  • A pintura tríptica do Salão do Pregão mostra as transformações urbanas e econômicas de Santos, na concepção artística de Benedicto Calixto - fundação da vila, 1822 e 1922. Nela estão pedra triangular, martelo e colher de pedreiro, três elementos maçônicos. Com figuras da fauna brasileira, as molduras no estilo renascentista também são do pintor paulista.

Exposição permanente:

  • ‘A trajetória do café no Brasil’ mostra a relação entre a cafeicultura e o desenvolvimento do Brasil. Dividida nos módulos ‘O café e o trabalho’, ‘Colheita’ e ‘Beneficiamento’, apresenta a chegada das primeiras mudas da planta ao país, e os imigrantes japoneses e europeus trabalhando nas lavouras. A riqueza e o progresso impulsionados pelo café são traduzidos, em painéis e maquetes, pela expansão da malha ferroviária no Estado de São Paulo e o desenvolvimento do porto santista.

Torre do relógio:

  • Com cerca de 40m – o dobro da altura do prédio - a torre do relógio possui quatro esculturas que simbolizam a agricultura, comércio, indústria e os navegantes. Responsável pela convocação para as sessões do pregão, o relógio suíço alterou a rotina da população, que antes contava com os sinos das igrejas para referência de tempo.

Vitral de entrada:

  • Acima da porta principal de acesso do prédio encontra um pequeno vitral com o símbolo dos ‘Estados Unidos do Brasil’, nome do país à época da inauguração do prédio e que permaneceu até 1967. Em destaque, também, o Brasão das Armas do Brasil, composto de um ramo de café e um de fumo, as duas culturas mais importantes do país na Proclamação da República (1889).

Cafeteria:

  • Para o finalizar o passeio, passe na cafeteria do museu, com cardápio que não se limita ao tradicional espresso e oferece diversas opções de bebidas quentes e geladas, drinques e doces à base de café, além de grãos das mais variadas regiões produtoras, para saborear na hora ou levar para casa.

Protocolo de reabertura: entrada de, no máximo, 40 pessoas a cada meia hora; uso obrigatório de máscara; aferição de temperatura corporal (até 37,5°). Necessidade de agendamento prévio pelo site do museu.

A partir de 28/7/20 a Cafeteria do Museu reabre com 40% da capacidade de atendimento e uso obrigatório de máscara

Programação fornecida pela produção/estabelecimento e sujeita à alteração. Confirme antes de sair de casa.

Horários
Qui a Dom
das 11h00 às 17h00
Museu do Café
Rua XV de Novembro, 95
Santos, SP
11010-151
Brasil
abrir no GoogleMaps 13 3213 1750 website do passeio
Valores
R$ 10,00 quinta a domingo (sábado é gratuito)
Idade recomendada